terça-feira, outubro 16, 2018

Falso Reflexo | Segundo Capítulo: Duas Descobertas Num Dia!

by , in






elenco deste capítulo (1ª fase)
JOANA BORGES - Ellen Moura / Taís Moura
NICOLAS PRATTES - Renato de Castro
ANTÔNIO FAGUNDES - Miguel Moura
CHRISTIANE TORLONI - Solange Moura

CONTINUAÇÃO IMEDIATA DO CAPÍTULO ANTERIOR
Ellen acorda depois de ter se relacionado com Renato.

RENATO: (Cochichando no ouvido de Ellen) E aí, o que achou?

Ellen dá um tapa em Renato

ELLEN: (Nervosa) Seu tarado, pilantra!

RENATO: Por que me bateu sua maluca? Mas admite, você gostou do meu corpo no seu, não é?

Ellen dá outro tapa em Renato

ELLEN: E ainda é cínico! Sai, dá licença! Me deixa sair daqui, tenho que voltar pra casa!

RENATO: Qualquer coisa, me procura aqui então; gatinha!

Ellen faz uma cara de raiva, e vai embora do apartamento! Após sair, ela dá um sorriso no rosto.

ELLEN: Cafajeste!

Corte para:

CENA 02 - IMAGENS AÉREAS DE SÃO PAULO (EXT/MADRUGADA)

Corte para:

CENA 03 - RUA ISOLADA (EXT/MADRUGADA)
Ellen vai andando em direção à sua casa, e vai pensando

ELLEN: (Pensando) Eu acho que esse safado pode me ajudar num plano! (Risos) O seu tempo de glória, Taís, vai acabar!

Close em Ellen

Corte para:

CENA 04 - SALA DE ESTAR/CASA DAS GÊMEAS (INT/MADRUGADA)
A família das gêmeas está reunida na sala de estar, todos preocupados com o sumiço de Ellen. As horas se passam, e ela volta para casa. Ellen bate palma em frente a porta de casa. Em seguida, Solange se levanta do sofá e abre a porta para a filha

Corte para:

CENA 05 - PORTA DA CASA DAS GÊMEAS (EXT/MADRUGADA)

SOLANGE: (Nervosa e Estressada) ONDE É QUE VOCÊ 'TAVA' ELLEN?

ELLEN: (Cansada) Ai mãe, só me deixa entrar, eu tô cansada!

SOLANGE: VOCÊ SABE QUE HORAS SÃO? SÃO 02:15 DA MANHÃ ELLEN, ONDE VOCÊ 'TAVA'?

ELLEN: Eu estava estudando na casa de uma amiga

SOLANGE: Amiga, é?

Solange abre a porta de casa. Em seguida, sai de dentro da mesma, vai em direção onde Ellen está e lhe dá um tapa na cara.

ELLEN: (Chocada com o tapa) AI MÃE, QUE ISSO!? 

SOLANGE: (NERVOSA) OLHA AQUI ELLEN, EU SÓ NÃO TE BATO MAIS, PORQUE TÁ TARDE E AS 'PESSOA' PODE VIM 'VÊ'! VAI DEITAR, AMANHÃ VOCÊ ME AGUARDE, ME AGUARDE!

Corte para:

CENA 06 - SALA DE ESTAR/CASA DAS GÊMEAS (INT/MADRUGADA)
Ellen entra dentro de casa, de cabeça baixa. Ela passa pela sala, e Miguel e Taís a veem

MIGUEL: (IRRITADO E FALANDO ALTO) EU NÃO VOU FALAR NADA!

TAÍS: Calma, pai. Fica calmo

MIGUEL: EU VOU É DORMIR, MAIS VOCÊ ME ESPERE DONA ELLEN, VOCÊ ME ESPERE!

Corte para:

CENA 07 - QUARTO DAS GÊMEAS (INT/MADRUGADA)
Ellen vai para seu quarto. Em seguida, toda a família vai para os seus respectivos quartos. Em seguida, Taís vai falar com Ellen

TAÍS: Ellen, eu queria conversar com você...

ELLEN: Ah, não enche o saco Taís... Me deixa em paz

TAÍS: Ellen, pelo amor de Deus... Você não consegue perceber o perigo que você correu? Poderia ter um estrupador, assasino, ladrão, aí na rua! Já imaginou o que poderia acontecer com você?

ELLEN: E o que que você tem a ver com isso? A vida é absolutamente MINHA, se eu quiser sair, correr perigo, ou qualquer coisa EU SAIO! Não se mete!

TAÍS: Bom..... Tudo bem então...

Taís se deita em sua cama, meio chateada com o jeito que a irmã a tratou

ELLEN: Taís... Me desculpa do jeito que eu falei com você... É que eu estou estressada com tudo, e eu não quero falar mais sobre hoje.

TAÍS: Tá bom...

Corte para:

CENA 08 - SALA DE JANTAR (INT/MANHÃ)
Ellen chega á mesa de jantar, e se encontra com a família. Em seguida, ela se pronuncia

ELLEN: Eu peço desculpas , á senhora minha mãe, ao senhor meu pai, e á minha irmã querida. O que aconteceu nunca mais vai se repetir, eu prometo de coração.

Ellen se vira de costas pra mesa, e vai em direção á sala. Mais, Solange lhe chama

SOLANGE: Ellen!

ELLEN: Pode falar, mãe...

SOLANGE: Nós te perdoamos... MAAS, eu e seu pai vamos te acompanhar DE MÃOS DADAS, na entrada e na saída do teu colégio, pra garantir que você não saia sem nossa permissão!

ELLEN: (Chorosa) AH NÃO MÃE, EU PROMETO QUE EU NÃO SAIO SEM AVISAR! POR FAVOR, NÃO FAZ ISS!...

Solange interrompe Ellen

SOLANGE: Vai ser assim ATÉ SEGUNDA ORDEM, se não quiser assim, basta apenas que você seja adotada!

Ellen sai da sala de jantar, nervosa com a nova regra dada pelo os pais. Taís ri sobre a situação de Ellen

TAÍS: (Rindo) Ai mãe, você é demais

Ellen e Miguel começam a rir junto com a filha.

Anoitece. 

Corte para:

CENA 09 - PORTA DE CASA DAS GÊMEAS (EXT/NOITE)
Ellen tenta sair de casa, sem os pais a verem. Mais, a mãe percebe o que a filha quer fazer

SOLANGE: Ellen! Nem tente isso...!

ELLEN: Mãe, pelo amor de Jesus, não faz essa vergonha comigo não, eu te imploro!!

Ellen se ajoelha aos pés da mãe

SOLANGE: Você está piorando ainda mais a sua situação, olha a rua toda te olhando.

Ellen se levanta, e olha para a rua toda, e percebe os risos das pessoas com a sua atitude

SOLANGE: Fica aqui, que a gente tem que esperar o ônibus!

O ônibus chega. Taís entra primeiro, e depois entra Miguel e Solange de mãos dadas com Ellen

O ônibus anda. 

Corte para:

CENA 10 - PORTÃO DA ESCOLA (EXT/NOITE)
Taís sai do ônibus e se despede dos pais. Depois, sai Ellen de mãos dadas com os pais. Eles vão até a frente do portão da escola, enquanto os alunos começam a rir de Ellen

ELLEN: Pronto, podem ir já!

MIGUEL: Não, minha filha! A gente vai ficar aqui, até for a hora de você entrar!

ELLEN: (Reclamando) Aah, não!

SOLANGE: E se reclamar, a gente fica na sala de aula!

ELLEN: (Pensamento) Eu não acredito que eu tô nessa situação! Ô meu Deus, me tira dessa, por favor!

A hora de Ellen entrar chega. Em seguida, Solange e Miguel beijam as bochechas de Ellen, um de cada lado

MIGUEL: Tchauzinho minha pequena!

SOLANGE: Fica com Deus, meu anjinho precioso!

Ellen larga as mãos dos pais, e sai correndo para sua sala de aula

ELLEN: Ai, ainda bem que eu tô livre!

Corte para:

CENA 11 - SALA DE ELLEN (INT/NOITE)
Ellen chega na sala, e os alunos começam a rir de sua cara e fazem comentários sobre o ocorrido: "Bebezinha" "Anjinho frágil da família" "Criançinha de 6 anos"





CENA 12 - IMAGENS AÉREAS DA RUA DA CASA DAS GÊMEAS (EXT/DIA)
Semanas se passam depois daquilo.Ellen é perdoada e seus pais retiram seu castigo

Corte para:

CENA 13 - SALA DE ESTAR DAS GÊMEAS (INT/DIA)
Ellen percebe que já está alguns dias passando enjoos e vômitos.

ELLEN: Eu acho que eu vou na farmácia, eu não tô bem não...

Ellen vai até o quarto de Taís, que está estudando, para avisar que vai á farmácia

ELLEN: Taís, eu vou na farmácia, e eu já volto, tá?

TAÍS: Tá bom! Mais, volta logo, que eu quero te dar uma notícia muito boa!

ELLEN: Tá!

Corte para:

CENA 14 - FARMÁCIA (INT/DIA)
Ellen pega sua bolsa, e sai de casa em direção á farmácia. Quando chega, pede remédios contra enjoo e vômitos e acaba vendo um teste de gravidez

ELLEN: (Pensando) Hmmm... Será?

Ela pega o teste e vai até o caixa 


FARMACÊUTICO: Só isso, moça?

ELLEN: É... Eu vou pegar esse teste aqui também...

FARMACÊUTICO: É pra você?

ELLEN: Não, é pra minha mãe!

FARMACÊUTICO: Ata. Tá aqui olha! É... 30 reais

ELLEN: Tá bom... Aqui!

Ellen dá o dinheiro ao farmacêutico

FARMACÊUTICO: Obrigado!

ELLEN: Obrigada você!

Ellen vai embora da farmácia

Corte para:

CENA 15 - BANHEIRO/CASA DAS GÊMEAS (INT/DIA)
Ellen pega o teste de gravidez (Logo após ter feito o prosseguimento corretamente) e vê que o resultado deu positivo. Ela se olha no espelho e começa a enxugar suas lágrimas, que começaram a cair com a descoberta da gravidez

Corte para:

CENA 16 - QUARTO DAS GÊMEAS (INT/DIA)
Ellen chega ao quarto das gêmeas para saber o que a irmã queria contar. Ela chega ao quarto para saber o que a irmã queria contar, ainda chocada com a gravidez. 

ELLEN: É...é... Pode falar...

TAÍS: Você lembra do Murilo? Aquele da sua sala?

ELLEN: (Desconfiada) S..sei...

TAÍS: Eu e ele estamos namorando!

Ellen faz uma cara de choro e desespero

TAÍS: E ele quer vir aqui em casa, se apresentar pro papai e pra mamãe! Você pode me ajudar com tudo?

ELLEN: (Cínica) Claro, vou ajudar! Pode contar comigo pra tudo, minha maninha!

TAÍS: Muuuito obrigada, minha irmã!

Taís abraça Ellen. Depois disso, Ellen vai pra sala e começa a pensar

Corte para:

CENA 17 - SALA DE ESTAR/CASA DAS GÊMEAS (INT/DIA)

ELLEN: (Pensando) Eu vou ajudar sim, sua vagabunda! Pode ficar tranquila

Ellen olha pro teste de gravidez e solta um sorriso largo

(A câmera congela no teste de gravidez)




terça-feira, outubro 16, 2018

Reveja Web Mundi | Celebridade - Capítulo 8

by , in


O Reveja Web Mundi está reeditando a novela 'Celebridade' em uma versão com mais ritmo e com menos capítulos.

Este capítulo contém:
 CAPÍTULO 9+10 ORIGINAL

segunda-feira, outubro 15, 2018

Falso Reflexo | Primeiro Capítulo

by , in



elenco deste capítulo (1ª fase)



JOANA BORGES - Ellen Moura / Taís Moura

MATHEUS ABREU - Murilo de Souza
JULIANA PAIVA - Antônia Silva (Tônia)
NICOLAS PRATTES - Renato de Castro
ANTÔNIO FAGUNDES - Miguel Moura
CHRISTIANE TORLONI - Solange Moura



CENA 01 - IMAGENS AÉREAS DE SÃO PAULO (EXT/NOITE)


Corte para:


CENA 02 - CASA DAS GÊMEAS - SALA DE JANTAR (INT/NOITE)


Ellen está sentada no sofá da sala de estar, pensando em Murilo. Chega Solange


SOLANGE: Não vai jantar não, filha? Depois você vai ficar com fome no colégio!


ELLEN: Não mãe, obrigada! Depois eu como!


SOLANGE: Tá bom, depois não diz que eu não avisei!


ELLEN: (Pensando) Ah, velha, me deixa em paz!


Solange vai para a sala de jantar


Close em Ellen


Corte para:


CENA 03 - CASA DAS GÊMEAS - SALA DE JANTAR (INT/NOITE)


Taís, Miguel e Solange está toda reunida na sala de jantar;


TAÍS: Eu estou muito feliz por você, papai! Dá pra ver que você está se recuperando do vício de álcool! Parabéns


Taís se levanta do seu lugar e abraça Miguel;


MIGUEL: Olha minha filha, eu também estou muito feliz, por eu estar me recuperando. Eu quero viver sendo feliz com a minha família, que eu amo tanto.


SOLANGE: (Fingindo estar brava) Só eu que não tenho abraço?


Solange cruza seus braços e faz um bico com a boca. Em seguida, Taís e Miguel correm em direção a Solange e a abraçam bem forte; Ellen, chega na sala de jantar e acaba vendo toda a cena.


ELLEN: (Pensamento) Nossa, que nojo


ELLEN: (Com tom de voz um pouco alto, nervosa e batendo palma) A gente não vai jantar não?


TAÍS: Calma Ellen, nós também te amamos!


Taís vai abraçar Ellen. Mais, a irmã rejeita o abraço da outra gêmea


Solange: A Ellen tá certa! Daqui a pouco vocês vão pro colégio, é melhor não se atrasarem


A família janta...


Corte para:


CENA 04 - FRENTE DA CASA (EXT/NOITE)


SOLANGE: Filhas, vão com Deus, vai dar tudo certo lá no colégio, eu amo muito vocês!


Solange dá um beijo da bochecha de Taís e Ellen. Ellen limpa a bochecha onde a mãe a beijou.


MIGUEL: Eu amo muito vocês minhas filhas lindas!


ELLEN: Eu vou ir, porque eu posso me atrasar!


TAÍS: A Ellen tá certa; tchau mãe e pai, eu amo muito vocês!


MIGUEL E SOLANGE: Nós também, minha filha!


Ellen e Taís entram num ônibus, que é caminho ao colégio


Corte para:


CENA 05 - IMAGENS AEREAS DAS RUAS DE SÃO PAULO (EXT/NOITE)


Corte para:


CENA 06 - ENTRADA DA ESCOLA (EXT/NOITE)

As gêmeas chegam em cima da hora de entrar nas salas, mas conseguem entrar nas salas a tempo. Ellen e Taís se mudam de caminho, pois são de salas diferentes.

Corte para:


CENA 07 - CLASSE DE TAÍS (INT/NOITE)

Taís chega em sua sala, e logo cumprimenta todos da classe, e vai conversar com Antônia, sua melhor amiga, até a professora chegar;

ANTÔNIA: Nossa Taís, pensei que você ia faltar hoje! Que demora em! O que aconteceu?


TAÍS: Oi Tônia, tudo bem? Eu também estou bem!


ANTÔNIA: Ah, é verdade! (Risos). É porque eu senti sua falta, fiquei preocupada. Mais enfim, você tá bem? Eu tô ótima!


TAÍS: Tá bom (risos). Eu tô ótima! É que lá em casa, a gente tava conversando e acabamos perdendo a hora!


ANTÔNIA: Ata, entendi!


A professora chega na sala de Taís. Os alunos se sentam e cumprimentam a professora.


Corte para:


CENA 08 - CLASSE DE ELLEN (INT/NOITE)

A professora explicava a matéria. Os alunos prestavam atenção. Mas, Ellen, pensava em Murilo, que era de sua sala.

PROFESSORA: Eu vou pedir a explicação de um dos alunos... Ellen!


ELLEN: O...o...Oi professora!?


PROFESSORA: Explica a matéria que eu acabei de passar pra vocês!


ELLEN: É.... Eu não sei professora! 


Ellen faz uma cara de preocupada


PROFESSORA: Onde você tá com a cabeça? Poxa, Ellen! Eu vou te explicar denovo!


ELLEN: (cochicho) Vagabunda, vai á merda...


PROFESSORA: (Gritando) O QUE? COMO VOCÊ SE ATREVE A FALAR ASSIM COMIGO?


ELLEN: (Cínica) O que eu fiz professora? Fica calma, tá bom? Toma um chá de camomila, sei lá. Geralmente, quando a gente envelhece começa a ouvir coisas mesmo...


Alguns alunos riem do que Ellen disse sobre a professora


PROFESSORA: (Gritando) VAI PRA FORA DA SALA AGORA! EU NÃO VOU TOLERAR ISSO


Ellen faz cara de deboche, se levanta da carteira e sai da sala.


Corte para:


CENA 09 - FIM DO TURNO ESCOLAR (EXT-NOITE)

Ellen sai do colégio, com a intençãoo de falar com Murilo. Mas quando sai de dentro da escola, ela se depara com sua irmã conversando com o amor de sua vida.

ELLEN: (Pensamento) Vagabunda, desgraçada! Eu não acredito que até o amor da minha vida essa garota vai me roubar de mim!


Sem ninguém perceber, Ellen foge da escola e chora desesperadamente pelas ruas. Enquanto isso...


MURILO: Eu sempre quis te falar isso, mais nunca tive coragem...


TAÍS: O..O que?


MURILO: Você aceita namorar comigo?


TAÍS: (Surpresa com o pedido) CLARO QUE SIM, EU NÃO ACREDITO! (Risos de felicidade)


Taís e Murilo se abraçam, e depois Murilo começa a beijar Taís. Os alunos, vendo a cena, aplaudem e apoiam o casal.







Corte para:


CENA 10 - RUAS DE SÃO PAULO (EXT-NOITE)

Ellen sai correndo e chorando desesperadamente pelas ruas, e acaba se esbarrando com Renato, um rapaz rebelde que abandonou seus estudos.

RENATO: Caraca, inferno! Você tá louca?


Ellen olha para Renato, e vê um rapaz bonito e atraente


ELLEN: Eu só preciso de alguém...


Renato olha nos olhos de Ellen, e vice-versa. Em seguida, os dois se beijam loucamente:


RENATO: Bora pro meu apartamento, bora!


ELLEN: Eu tenho que voltar pra casa...


RENATO: Depois cê volta, vai por favor!!


Ellen vai para o apartamento de Renato. Os dois passam a noite juntos.


Corte para:


CENA 11 - QUARTO DE RENATO (INT/MADRUGADA)

Ellen acorda depois de ter se relacionado com Renato.

RENATO: (Cochichando no ouvido de Ellen) E aí, o que achou?


Ellen dá um tapa em Renato


ELLEN: (Nervosa) Seu tarado, pilantra!


RENATO: Por que me bateu sua maluca? Mas admite, você gostou do meu corpo no seu, não é?


Ellen dá outro tapa em Renato


ELLEN: E ainda é cínico! Sai, dá licença! Me deixa sair daqui, tenho que voltar pra casa!


RENATO: Qualquer coisa, me procura aqui então; gatinha!


Ellen faz uma cara de raiva, e vai embora do apartamento! Após sair, ela dá um sorriso no rosto.


ELLEN: Cafajeste!


Corte para:


CENA 12 - IMAGENS AÉREAS DE SÃO PAULO (EXT/MADRUGADA)


Corte para:


CENA 13 - RUA ISOLADA (EXT/MADRUGADA)


Ellen vai andando em direção à sua casa, e vai pensando

ELLEN: (Pensando) Eu acho que esse safado pode me ajudar num plano! (Risos) O seu tempo de glória, Taís, vai acabar!


(A câmera congela em Ellen)




segunda-feira, outubro 15, 2018

Reveja Web Mundi | Celebridade - Capítulo 7

by , in


O Reveja Web Mundi está reeditando a novela 'Celebridade' em uma versão com mais ritmo e com menos capítulos.

Este capítulo contém:
 CAPÍTULO 8 ORIGINAL

domingo, outubro 14, 2018

Gente Perigosa | Capítulo 6

by , in

1 cena (apartamento de Cristian.interior)
Um policial toca a companhia. Cristian vai atender.
- (Cristian) Já vai!
Após abrir a porta, dois policiais entram no apartamento de Cristian.
- (Cristian) O que devo a visita?
- (Policial 1) Você é Cristian Torres?
- (Cristian) Sou eu, por que?
- (Policial 1) Precisa nos acompanhar até a delegacia imediatamente para um depoimento.
O segundo policial lhe entrega um mandato.



2 cena (mansão.interior.escritorio)
Pedro ainda aflito e preocupado conta o que sabe para Suzana:
- (Pedro) Eu quando sai da cozinha para buscar bebidas no depósito, perto da garagem, vi três homens colocando uma mulher dentro do carro. 
- (Suzana) Só pode ser Julieta! 
- (Pedro) Eles estavam mascarados, não deu para ver o rosto.
- (Suzana) Essa pista vai ser muito importante, eu vou informar a polícia.

3 cena (delegacia.interior.sala) 
O policial entra com Cristian na sala de Ivan.
- (Policial) Delegado!
Ivan Que está de costas se vira.
- (Ivan) Então o senhor é Cristian Torres?
- (Ivan) Sim, e imagino o que queira falar comigo.
- (Ivan) Sente-se por favor!
Cristian e Ivan se sentam.
- (Ivan) Que tal começar me dizendo porque saiu com Julieta sozinhos pra fora do salão central.
- (Cristian) Eu e Julieta tínhamos um relacionamento sério, e queria aproveitar a ocasião para pedir ela em casamento. Por isso saímos de dentro do salão. 
- (Ivan) Então quis fazer uma surpresa? 
- (Cristian) Exatamente, essa foi a hora que a deixei sozinha pra buscar as alianças.
- (Ivan) Ok, por hoje é só isso! Eu ainda preciso recolher outras informações.

4 cena (empresa.interior.sala)
Vitória entra em sua sala. Logo em seguida o seu celular toca.
- (Vitória) Alô!
- (Cristian) Vitória sou eu!
- (Vitória) Cristian, que surpresa você ter me ligado.
- (Cristian) Eu acabei de depor na delegacia. E eu preciso muito conversar com você.
Vinicius entra na sala.
- (Vitória) Claro, eu dou uma passada no seu apartamento hoje a noite.
Vitória desliga o celular.
- (Vinicius) Imagino que deve ser o Cristian, estou certo?
- (Vitória) Certíssimo! Parece que sem a minha priminha no caminho eu estou conseguindo conquistá-lo.
- (Vinicius) Falando assim parece até que você sumiu com Julieta.
- (Vitória) Não tire conclusões precipitadas Vinicius. 
- (Vinicius) Eu não costumo trabalhar com conclusões precipitadas minha cara amiga.
- (Vitória) Adoro o seu bom senso! Mais agora eu preciso me arrumar para estar bem linda hoje a noite, até breve!
Assim que Vitória sai da sala. Vinicius fica pensativo.

5 cena (mansão.interior.escritório)
Pedro fica tenso e preocupado.
- (Pedro) A senhora não pode contar nada!
- (Suzana) Por que não?
- (Pedro) Por que eu vou estar envolvido nisso.
Logo em seguida Laura entra no escritório e diz:
- (Laura) Dona Suzana, tem visita pra senhora.

6 cena  (mansão.interior.sala)
Suzana recebe Vinicius.
- (Suzana) Vinicius que surpresa!
Os dois se cumprimentam.
- (Vinicius) Como você está?
- (Suzana) Levando a vida, como sempre digo. Mais me diz, o que te trouxe aqui?
- (Vinicius) Eu vim como amigo saber como está essa situação da Julieta.
Os dois se sentam no sofá.
- (Suzana) O delegado que está cuidando do caso, ainda não encontrou nenhuma pista do sumiço de Julieta. Mais está trabalhando exclusivamente no caso.
- (Vinicius) Entendo. 
- (Suzana) E como vão os negócios da empresa?
- (Vinicius) Vão bem, eu e a Vitória damos o nosso melhor e fazemos de tudo para a empresa continuar crescendo.
- (Suzana) A Vitória com aquele jeito discreto dela, mais faz uma grande diferença.
- (Vinicius) Eu acho que a empresa pode evoluir muito mais se a Vitória fosse a presidente e não a vice.
- (Suzana) Concordo plenamente, mais isso depende de Natanael e Julieta que são os donos legítimos.
- (Vinicius) Vamos concorda que o Natanael mal se preocupa com a empresa, e ainda tem o sumiço de Julieta.
Suzana se levanta e pergunta seriamente:
- (Suzana) Onde quer chegar com isso?
- (Vinicius) Você é esposa do presidente da empresa, e tem poder para mudar essa situação. Mais não quero te pressionar, isso é apenas um conselho de amigo.
- (Suzana) Eu vou pensar nisso.


7 cena (boate.interior.quarto)
Charlotte se levanta da cama e pega um uísque para Natanael, que está deitado.
- (Charlotte) E o caso da sua irmã? Já foi resolvido?
- (Natanael) Não!
- (Charlotte) Você por acaso tem alguma coisa a ver com isso?
- (Natanael) O que você acha?
- (Charlotte) A única coisa que sei é que você e Julieta nunca se deram muito bem. Motivos não faltam!
Natanael se levanta e veste suas roupas.
- (Natanael) Tem toda razão! Já está ficando tarde, eu já vou!
Charlotte se aproxima de Natanael e o beija.
- (Charlotte) Só quero que saiba que você daria um lindo sequestrador!


8 cena (mansão.interior.cozinha)
Pedro entra na cozinha e Laura lhe pergunta:
(Laura) Posso saber o que estava conversando com a dona Suzana?

domingo, outubro 14, 2018

Em Novembro... Suas noites de sábado nunca mais serão as mesmas...

by , in


Um grupo de jovens da pequena cidade de Village Falls em Ohio, prometem agitar a cidade com os seus romances, dramas, mistérios e segredos. - A série de Eduardo Moretti, autor de sucessos como Garota de Ipanema e Dark Hills - Cidade Sombria, nos apresenta esse novo thriller de tirar o fôlego, recheado de dramas e muita emoção como: Auto mutilação, dependência química, buylling, suicídio, assédio e claro, todo suspense e terror envolvendo um misterioso crime e o porque dele ter acontecido. Lançando a famosa pergunta: Quem Matou Elena Cooper? Você não vai ser louco de perder né? É em Novembro na Web Mundi.

Web Mundi e Eduardo Moretti... São Tantas Emoções! ❤

Trilha Sonora da Série