Surreal | Últimas Semanas - Lia revela seus motivos para derrubar Orlando




Surreal |Décimo Sexto Capítulo
Últimas Semanas

Autor: Brian Tavares

Elenco deste Capítulo:

Isis Valverde como Lia Trindade
Antonio Calloni como Orlando Junqueira
Rômulo Estrela como Yslim Junqueira
Marco Pigossi como Lucas Salles
Marina Moschen como Marjore
Maria Joana como Margot
Participações especiais:
Leticia Braga como Lia Trindade (criança)
Vitória Strada como Lia Trindade (jovem)

--
Anteriormente: 

Planos rápidos e descontínuos do jantar de noivado de Lia e Noah, eles recebem cumprimentos de vários convidados. Plano aéreo, a mansão dos Junqueira está cercada por homens armados. A mansão é invadida e os convidados rendidos, um dos homens entra na mansão e procura por documentos no escritório de Orlando. Lia foi a mandante da invasão, com a intenção de conseguir documentos contra Orlando. Mauro, um dos invasores, é preso, após semanas lá, ele garante que vai dar o troco em Lia por ter o esquecido lá após prometer uma prisão luxuosa para o bandido se ele a ajudasse na invasão. Planos sobre o casamento de Lia e Noah, ele é assassinado por Mauro na porta da igreja após o casamento. O policial Lucas investiga o crime, acaba descobrindo que a namorada dele, Marjore, era amante de Noah. Yslim, irmão de Noah, volta de Portugal, onde estava estudando. Yslim se atrai por Lia. Lia consegue uma cópia da chave do escritório de Orlando, descobre um quadro lá dentro, com um fundo falso, ela consegue documentos comprometedores para derrubar Orlando lá dentro.

Continuação imediata da última cena: 

Cena 01: Mansão dos Junqueira  (INT – DIA)
Lia fica eufórica após conseguir os documentos contra Orlando, ela organiza o escritório do empresário e coloca o quadro novamente na parede. Lia esconde os documentos em sua bolsa. 

Corte rápido para:

Cena 02: Porta da Mansão  (EXT – DIA)
Lia em primeiro plano, se aproxima de um dos funcionários da mansão.
Lia – Olha, quando o Orlando voltar você o avisa que eu tive que ir até em casa, tudo bem?
O funcionário reage confirmando, Lia vai até o seu carro, coloca a bolsa no banco do carona e sai da mansão. 

Corte para: 

Cena 03: Empresa Surreal / Sala de reunião  (INT - DIA)
Orlando está em uma reunião, visivelmente nervoso, após todos saírem da sala, ele conversa com Yslim sozinho. 
Yslim – Eu não estou entendendo sua preocupação, você sabe de todos os regulamentos da empresa! 
Orlando – Você não entendeu, a Lia pode administrar essa empresa!
Yslim – Sim, somente se eu ou você não tivermos mais capacidade pra isso, sempre foi assim, meu avô que determinou isso! 
Orlando – Acontece que eu não esperava, não esperava! Você acha que eu saberia que o Noah iria se envolver com a Lia?
Yslim – Ela é esperta, inteligente, não vejo problemas nela!
Orlando – Eu vejo, Yslim! Eu vejo! Ela é ambiciosa, mostrou isso só depois da morte de seu irmão!
Yslim – Pai, chega! Você não vai poder mais mudar nada disso! Ela foi casada com o Noah, por minutos, mas foi! 
Close em Orlando, em fúria. 

Corte para: 

Cena 04: Mansão de Lia (INT – DIA)
Lia entra na mansão e Margot se assusta. 
Margot – Lia?! Você não passaria o dia na casa do Orlando? 
Lia – Você não vai acreditar! 
Margot – O que aconteceu? 
Lia – Eu consegui os documentos! 
Margot – Sério? 
Lia – Sim, o Orlando e o Yslim estavam indo pra uma reunião, eu entrei no escritório do Orlando e descobri um fundo falso em um quadro! Aí encontrei, todos os documentos que faltavam! 
Margot - Você agora vai fazer o quê? 
Lia – Eu não sei, eu tenho que pensar ainda! 
Margot – Lia, você nunca me contou o que tem nesses documentos, nunca me falou o que tem de tão comprometedor pra você fazer uma matéria jornalística a ponto de derrubar o Orlando! 
Lia – Eu sei, mas eu acho que agora eu vou te contar tudo! 
Close em Lia. 

Corte para: 

Cena 05: Mansão dos Junqueira  (INT – DIA)
Orlando e Noah chegam em casa. Noah questiona a um funcionário onde estava Lia, o funcionário conta que Lia foi embora com pressa. 
Orlando – Onde será que a Lia foi? 
Yslim – Não faço ideia! 
Orlando – Bom, eu vou até o meu escritório! 
Yslim – Tudo bem! 
Close em Yslim. 

Corte para: 

Cena 06: Mansão de Lia  (INT – DIA)
Lia e Marjore conversam na sala, Lia relembra o seu passado.
Lia – Eu tinha só doze anos quando tudo aconteceu! (CENAS DE LEMBRANÇA – LIA CRIANÇA) Eu vivia sempre com o meu pai, ele estava tentando crescer na vida, conseguiu o que mais queria, estava procurando por sócios e visando expandir a nossa loja de departamentos pra outras cidades... A primeira pessoa que o meu pai procurou foi o Orlando, eram amigos de infância e estavam dispostos a se ajudarem! O meu pai me contava tudo, mas eu raramente via o Orlando, meu pai também evitava falar da vida pessoal, o Orlando me conhecia como Luísa! Estava tudo pronto pro meu pai fechar a parceria com o Orlando, um dia antes era tudo o que ele me falava, já me dizendo que eu teria que passar o dia com uma mocinha que cuidava de mim quando ele tinha que sair! – Lia para de falar por alguns segundo, começa a se entristecer – No dia em que o meu pai fecharia o acordo, a mocinha que cuidava de mim simplesmente não apareceu, ele estava preocupado e muito ansioso, resolveu me levar junto com ele. A gente foi até um galpão, eu achava aquele lugar todo estranho. Realmente não era o que o meu pai imaginava, era tudo uma armadilha! 

Flashback 

Luísa e o pai entram no galpão, sempre sem mostrar o rosto dele, e focando na inocência e angústia de Luísa.
Luísa – Pai, onde a gente vai? 
Jobim – Calma! Está tudo bem! 

Fim do flashback 

Lia volta a narrar com cenas intercaladas entre ela e suas lembranças – O meu pai já estava demonstrando que estava nervoso, quando chegamos lá tinham três homens, o Orlando não estava lá! Meu pai perguntou sobre ele, mas nada, foi tudo muito rápido, ele assinou alguns documentos, perguntou novamente sobre Orlando, mas foi aí que tudo aconteceu, meu pai iniciou uma discussão com os três homens. Um deles sacou a arma, atirou sem dó no meu pai. Eu me desesperei, vi um dos homens ligando pra alguém, dizendo que estava tudo feito, mas que ele estava junto com a filha. Foi aí que eu entendi tudo. Covarde, mandou matar o meu pai. Depois disso os homens me enfiaram em um carro, me abandonaram na rua. Depois de tudo eu fui morar com a minha tia em Florianópolis. 
Margot – Nossa Lia! Eu não seu o que dizer! Eu não fazia ideia de nada disso!
Lia – O Orlando matou o meu pai, Margot. Fez isso pra tomar o domínio da empresa, sabia que tudo iria se expandir rapidamente. 
Margot – Como você se aproximou dele novamente, sem ele saber que era você? 
Lia – Em Florianópolis eu estudei (CENAS DE LEMBRANÇA – LIA JOVEM), me formei em jornalismo e rapidamente estava fazendo várias reportagens e sendo convidada pela cúpula da faculdade para cobrir grandes matérias. Na faculdade só me chamavam de Lia, foi aí que eu consegui conceituar as minhas matérias e conseguir mais prestígio. Vim morar em São Paulo, mas eu já premeditada tudo, sabia do sucesso do Orlando e decidi tentar me aproximar do filho dele, o Noah. Foi em um evento de jornalismo que eu me aproximei do Noah, já tinha traçado boa parte do meu plano de vingança. 
Margot – Como assim? 
Lia – O meu pai tinha documentos concretos de seu domínio sobre a empresa. Esses documentos foram escondidos pelo Orlando, pois ele conseguiu o domínio da empresa após a morte do me pai por meio de documentos falsos, esses que foram assinados pelo meu pai no dia em que ele foi assassinado! 
Margot – Então os documentos que você tanto procurava são esses? 
Lia – Sim, por meio deles que eu tenho a chance de desmascarar o Orlando, e tirar tudo dele! 
Margot – Nossa, Lia. Eu não imaginava tudo isso! Eu não sei como você conseguiu ficar perto desse cara por tanto tempo, até conseguir esses documentos! 
Close em Lia – Foi tudo pra me vingar, Margot, tudo pra vingar o meu pai. E eu vou conseguir! 

Corte para:

Cena 07: Casa de Lucas (INT – DIA)
Lucas e Marjore estão sentados na mesa, Lucas está sério e praticamente interrogando Marjore,
Lucas – Você não me disse ainda como era seu relacionamento com ele! 
Marjore – Com quem? 
Lucas – Com o Noah! 
Marjore – Que droga, Lucas! Eu já disse que não quero mais falar disso! 
Lucas – Mas eu quero! 
Marjore – Para com isso, Lucas, chega! 
Lucas – Marjore, eu descobri que você pode ter envolvimento na morte do Noah! 
Marjore – O quê? 
Lucas – Marjore, o que você sabe sobre esse crime? 
Close brusco na reação de Marjore. 

Corte para: 

Cena 08: Mansão de Lia  (INT – DIA)
Lia está em uma sala de sua mansão, lá tem várias fotografias, muitos documentos, anotações e até uma teia de investigação. Lia está analisando as provas que conseguiu contra Orlando, tira cópias e fotografa tudo. Close em Lia, fotografando um dos documentos.
Corta. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário