Novidades no Web Mundi GO!


Sede de Vingança:Capítulo 3



Sede de Vingança

Capítulo 3




Parte 1




CENAS DO CAPÍTULO ANTERIOR




Policial:Por que esse tanto de dinheiro?




Márcia:Não policial,não é o que você tá pensando,é só uma mulher que me devia e me deu o dinheiro hoje.




Policial futuca mais a bolsa e acha droga.




Policial:E isso?




Márcia:(desesperada) O que?Não eu nem sei o que é isso tava na bolsa dela seu policial eu juro.




Policial:Senhora Márcia,a senhora tá presa por contrabando de drogas.




FIQUE AGORA COM O CAPÍTULO DE HOJE




CENA 1-Avenida Beira Mar/Rio de Janeiro.INT




Márcia:Não seu policial,eu não tenho nada haver com isso,por favor me deixe me embora,foi a mulher que me devia,eu já te falei,ela deve ter armado contra mim.




Policial:Uhum sei,dona Márcia,não tente culpar os outros,assuma foi você,e agora não tem mais como se safar não,algemem ela.




Márcia:(desesperada) não!




Policial coloca Márcia no carro,e sai na em direção a cadeia.




CENA 2-Casa de Márcia.INT




Zaira liga a TV e vê que sua filha foi presa.




Zaira:O que?Minha filha não.




Zaira fica abismada com o que viu na TV e chama suas netas para ver a notícia.




Zaira:Meninas venham aqui,olha o que está passando no jornal.




Isadora:minha mãe presa,não vô isso não tá acontecendo.(chorando)




Isabella:vó eu quero ir agora ver minha mãe,coitada armaram para ela.(desesperada)




Zaira:sim minhas filhas vamos ver ela sim,e também procurar um advogado que nos ajude.




CENA 3-Presidio.Rio de Janeiro.INT




Policial toma depoimento de Márcia.




Policial:Então a senhora fala que uma mulher lhe enganou.




Márcia:Sim.




Polícia:Me conte exatamente o que aconteceu nessa noite.




Márcia:Então foi assim,ela me chamou pra ir no banco porque estava me devendo um dinheiro.




Policial:Hum e aí,o que aconteceu.




Márcia:Aconteceu que ela saiu pra ir buscar o dinheiro no banco e eu trouxa acreditei que ela faria isso.Ela entrou no banco fingiu que estava sacando dinheiro e foi tudo armado pra que eu seja presa,como fui tonta de não desconfiar que ela estaria armando pra mim.




Policial:Hum e posso saber que dinheiro é esse que ela estava te devendo.




Márcia:Affs tenho que falar?




Policial:Claro,ué.




Márcia:Eu era atriz pornô.




Um policial do fundo fala.




Policial:(risos) Oh bixona gostosa,na cama deve ser uma loucura,depois me passa seu zap.




Policiais riem.




Márcia:Ei mais respeito comigo viu,não é por que você é policial que tem direito de falar assim comigo,mais respeito comigo por favor.




Policial:(risos)desculpa ai.




Policial:visita pra você,sua mãe e suas filhas estão aí,vamos deixar vocês 5 minutos conversando.




Os policiais saem e Zaira e duas netas entram na sala.




As três abraçam Márcia.




Zaira:(chorando) minha filha,o que fizeram com você,se eu soubesse que você ainda iria fazer mais um filme eu não deixaria.




Isabella:(chorando) Mãe vai dar certo,você vai sair daqui.




Isadora e Isabella choram,abraçando a mãe.




Zaira:Eu vou falar com o advogado,se Deus quiser você sairá daqui minha filha.




Policial chega com ordem dizendo que Márcia deverá ficar 15 dias presa e que que seu julgamento é logo depois.





Parte 2




CENA 4-Casa de Beth.INT




15 DIAS DEPOIS




Joelma Feat.Zé Felipe-Se Vira Aí




Débora recebe a 1 parcela do dinheiro e vai logo na casa da sua mãe entregar o dinheiro.

Débora entra e dá o dinheiro a sua mãe.




Débora:Mãe,cheguei,aqui está o dinheiro.




Beth:Ai minha filha,graças a Deus agora ficarei livre de dívida daquele homem.




Débora:Graças a Deus mãe agora é só esperar aquele maldito homem e entregar o dinheiro,a senhora ficará livre.




As duas abraçam felizes.




Débora:Agora tenho que voltar mãe.




Beth:Minha filha,antes de ir queria te perguntar uma coisa.A onde conseguiu esse dinheiro.




Débora:Já falei mãe,é de uma amiga,relaxa vai dar tudo certo.




Beth:Assim espero minha filha,não quero que você arrume confusão.




Débora:Pode ficar tranquila.




CENA 5-Julgamento de Márcia.INT




Juiz:Estamos aqui com a senhora Márcia dos Santos,acusada de portadora de drogas,e de dinheiro.A senhora se diz culpada ou inocente.




Márcia:INOCENTE.




Juiz:Agora vamos dar início a testemunha.




Márcia se surpreende e fala com o advogado.




Márcia:Que testemunha?




Advogado:Vamos ver.




Juiz:Que entre a primeira testemunha,a senhora Joana Medsen.




Márcia:O que?




Advogado:Calma!Vamos ver o que ela vai falar.




Joana senta e fala no tribunal.




Juiz:Senhora Joana,promete falar a verdade,só a verdade e nada mais que a verdade?




Joana:Prometo.




Juiz:Pode começar.




Joana:Então,a Márcia trabalhava comigo até ontem,mais aí ela pediu as contas e foi embora.Na hora de ir pegar o dinheiro eu falei que ia no banco e ela foi comigo.Chegou no banco eu entrei e um amigo meu me disse que eu estava em perigo,me falou também que ela traficava droga,ai dei logo o dinheiro pra me livrar dela.




Márcia:(gritando) É mentira dessa mulher.




Juiz:Ordem no tribunal.Pode continuar senhora Joana.




Joana:Obrigada senhor Juiz.Continuando,eu era a vítima naquele momento,então fui ao banco peguei o dinheiro que devia ela e chamei a policia pois eu não poderia acobertar uma traficante.




Juiz:Obrigado senhora Joana,vamos dar um intervalo de 10 minutos e voltamos com a sentença.(ele bate o martelo)




10 minutos depois




Juiz:Ja tenho a sentença,diante dos fatos eu e meus amigos decidimos que a senhora Márcia dos Santos deverá comprir em regime fechado 4 anos de prisão,obrigado a todos.(bate o martelo)




Joana rir e Márcia desespera.




Márcia:Não! (Desesperada)




Joana sai do tribunal rindo,Zaira e suas netas abraçam Márcia e falam que estão com ela até o fim.




CENA 6-Agência.INT




Max,Joana e Nilsson e Leão riem do fim de Márcia e bolam mais planos.




Joana:A idiota achou que ia se safar (risada)




Max:Não,o melhor foi 4 anos de sentença dela. (risos)




Joana:Agora temos que ir bem devagar,tem a Clara e essa novata chata que eu não suporto.Você como delegado Nilsson tem que prendê-las sem ninguém desconfiar,quanto mais dinheiro ganharmos melhor.




Clara escuta toda a conversa atrás da porta e entra na sala enfrentando eles.




Clara:Monstros,tentem me prender como fizeram com a coitada da Márcia,quero ver!




(Congela em Clara nervosa)




FIM DO CAPÍTULO...

Nenhum comentário:

Postar um comentário