RAINHA DA SENZALA - CAPÍTULO 25.


ANTERIORMENTE: Xica diz ao Intendente que se ele à prender, ela irá denunciar Regina por bruxaria.

CENA 01 / CASA DE XICA / INTERIOR / SALA / DIA.

XICA - E então, o Intendente vai querer ver vossa filha queimando na fogueira?

PITÁGORAS - Tu não podes fazer isso.

XICA - Se tu me prender eu faço sim! E então? Vamos! Se decida!

PITÁGORAS - Está bem, fecharei meus olhos para o que tu fizer.

XICA - Ótimo, a minha coroação é amanhã pela tarde, faço questão de que estejam lá (risos).

CENA 02 / CASA DO INTENDENTE PITÁGORAS / INTERIOR / SALA / DIA.

PITÁGORAS CHEGA, REGINA E LAURIANA O PERGUNTAM SE XICA FOI PRESA.

PITÁGORAS - Não, não foi.

REGINA - Como não meu pai? Porque não prendeste a negrinha?

PITÁGORAS - Ela ameaçou lhe denunciar por bruxaria, querias queimar na fogueira em praça pública?

REGINA - Maldita negrinha, agora ela fica usando isso para me ameaçar.

LAURIANA - Eu falei que devias ser cuidadosa!

CENA 03 / CASA DE XICA / INTERIOR / QUARTO / DIA.

XICA - Vou me preparar para a coroação, quero só ver a cara de todos que me humilharam ao me ver, linda, diva e poderosa!

BIBIANA - Confesso que vai ser impagável ver a cara dessa gente metida te vendo reinar.

ANOITECE

CENA 04 / CASA DE MABEL / INTERIOR / SALA / NOITE.

MABEL OLHA O PANFLETO DA COROAÇÃO DE XICA E DIZ:

MABEL - Más que palhaçada é essa?

ADAMASTOR - Ela vai ser rainha, ai que poderosa!

MABEL - O que é isso Adamastor?

ADAMASTOR - Isso o que?

MABEL - Chamar a negrinha de poderosa? Tá mudando de lado é? Que palhaçada é essa?

ADAMASTOR - Perdão minha flor, eu confundi as palavras, eu iria dizer que horrorosa, que negrinha horrorosa.

MABEL - Há sim, é claro meu amor, eu é que devo estar meio surda. Más amanhã nós vamos lá. Vamos lá nos impor, mostrar que não queremos ela.

ADAMASTOR - Sim é claro!

MABEL - Agora vem, me dê um beijo, vem, vem.
ADAMASTOR - Não! Hoje não é dia de beijo, a senhora está muito pervertida ultimamente, que vergonha hein. Vá já rezar e pedir perdão.

MABEL - Há é claro, me perdoe meu amor.

Continua...


Nenhum comentário:

Postar um comentário